Obras

Calçada de Verão

“Do ponto de vista do autor, a poesia é a possibilidade de ir além de si mesmo. Ela prescinde de personagens.

Para o leitor, é a pausa para suspirar.

Quando autor e leitor se encontram no texto, acontece o instante mágico em que compartilham o sonho”.

 

Flora Figueiredo

Lembrete

Não deixe portas entreabertas.
Escancare-as 
ou bata-as de vez.
Pelos vãos, brechas e fendas
passam apenas semiventos,
meias verdades
e muita insensatez.